Resenha: ‘As Mitologias Roubadas – Os 12 Trabalhos’

por Maristela Scheuer Deves, jornalista


Embora muitos leitores brasileiros insistam em não ler autores nacionais – a velha história de que santo de casa não faz milagre -, nós temos, sim, vários bons escritores, muitos dos quais, infelizmente, seguem ignorados pelo grande público. Há pouco, descobri um deles, que ainda não conhecia: o mineiro radicado em Porto Alegre Giancarlo Carvalho Borges, autor do ótimo livro As Mitologias Roubadas – Os 12 Trabalhos (Literalis, 360 páginas, R$ 44), lançado ainda em 2007.

A trama de As Mitologias… se passa em Nova Porto Alegre, uma capital gaúcha reconstruída, no ano de 2070. Tudo começa quando a Biblioteca Pública é parcialmente destruída, de forma misteriosa, e tem um livro sobre mitologia roubado. No que restou de uma parede, uma estranha e enigmática mensagem é deixada esculpida. O jovem Felippe Valenti, estagiário da biblioteca, acredita que a mensagem foi deixada para ele, e, quando descobre que seu pai desapareceu, resolve seguir as pistas e decifrar os enigmas para poder salvá-lo.